Loading…
FolioFestival2015 has ended
avatar for Sérgio Cezar

Sérgio Cezar

Arquitetura de Papelão
Bradsil
Ao contrário do que muitos pensam o artista Sergio Cezar não nasceu em nenhum bairro periférico, muito menos em uma favela ou em um morro carioca.
Filho de uma empregada doméstica e de um porteiro de prédio residencial, em Laranjeiras, na Zona Sul, Sergio, passou a maior parte de sua vida no bairro que viu se transformar no decorrer dos anos.
Ainda nos anos 50, Sergio ganhou de seu pai uma bicicleta feita de diversas peças jogadas fora, resgatadas nas garagens do bairro. A princípio, para uma criança, não é muito atrativo ter uma bicicleta que mais se parece com uma sucata. Com o tempo, no entanto, Sergio foi percebendo a beleza de um hobby de seu pai: reutilizar o que alguns desprezam, catando peças dos lixos dos apartamentos do prédio onde trabalhava.
Mas, foi na casa dos avós em Macaé, no norte fluminense, que começou a fazer seus primeiros brinquedos de sucata. Daí pra frente não parou mais.
A primeira profissão de Sergio, aos oito anos de idade, foi a de entregador de marmitas. Ele ajudava a mãe que cozinhava como renda extra no final do expediente.
Logo em seguida, aos 12, começou a jogar futebol no Clube de Regatas do Flamengo, aonde chegou ao ‘Juvenil’. Jogou com craques como Zico e Júnior. Ainda no ‘Juvenil’, foi jogador do América ingressando no time profissional.
Após a carreira nos gramados, e aproveitando o porte avantajado, de 1,82m, foi segurança de uma loja de roupas e modelo. Editoriais, desfiles e campanhas publicitárias acabaram fazendo Sergio se interessar pelo trabalho por trás das câmeras e se tornar fotógrafo.
Em seu primeiro trabalho, Sergio fotografou o centro do Rio de Janeiro, realizando assim sua primeira exposição como artista.

IN Blog do artista

My Artistas Sessions

Thursday, October 15
 

18:00